Bem-vindo!

28 de jul de 2017

Dia Mundial de Luta contra as Hepatites Virais



O dia 28 de Julho foi adotado pelo Ministério da Saúde como o Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais, como forma de alertar a população sobre os riscos das doenças. 

Atualmente a medicina reconhece cinco tipos de Hepatites: A, B, C, D e E. Destas, a hepatite C é a mais perigosa e a que mais mata em todo o país, correspondendo a aproximadamente 70% das mortes por hepatite. Cada uma delas é provocada por um tipo de vírus e tem diferentes formas de prevenção e tratamento.

No Brasil, as hepatites virais mais comuns são as causadas pelos vírus A, B e C; as hepatites B e C têm tratamento gratuito pelo SUS. O Ministério da Saúde estima que existam 1,7 milhão de brasileiros portadores do vírus da Hepatite C e 756 mil portadores do vírus da Hepatite B, sendo que muitos não sabem que os têm.

A hepatite A é transmitida por meio de água e alimentos contaminados. As hepatites B e C são transmitidas através de sexo sem proteção e compartilhamento de seringas, agulhas ou qualquer outro objeto cortante e perfurante. São doenças graves que podem provocar danos irreversíveis ao fígado.

As hepatites virais são 10 vezes mais infecciosas que o vírus da Aids. O diagnóstico é o grande desafio, por isso existe a recomendação da realização de testes para detecção da doença. No Méthodos Laboratório realizamos exames sorológicos para as Hepatites A, B, C, D e E.  Quando o diagnóstico é feito precocemente, amplia-se a eficácia do tratamento e aumenta-se as chances de cura.